EM DIA DE REVERÊNCIA AO BUGRE, UM JOGO DE RESULTADO RUIM | Por Carlos Josias

Facebook Twitter Google+ LinkedIn WhatsApp

No apito de inicio do jogo contra o Atl Mineiro o corpo de Alcindo seria cremado. Maior centroavante que vi jogar o Bugre foi um ídolo que sai da vida para a eternidade, já era uma Lenda Viva, agora se torna Imortal.

Vai brincar com Lara, Airton, Ortunho, Ari Ercílio, Everaldo e tantos outros que formam um timaço de glórias.

Alcindo jogava brincando. Já escrevi tanto em vida sobre ele e como me tornei Gremista, por responsabilidade dele, que hoje vou ser econômico para não ser repetitivo e vou apenas registrar: obrigado Bugre.

O fato é que Alcindo merecia na despedida um resultado melhor do que o empate contra o Atlético Mineiro que se foi normal para uma briga de cachorros grandes foi um ruim para a disputa do título que fica distante e tem um divisor de águas contra o Botafogo. Se ganharmos entramos na disputa, se não, adeus. Vamos, de novo, ficar namorando a vaga e que se não houver resultado bom contra o Bota também fica a perigo.

De qualquer forma preciso registrar que as criticas que li e ouvi sobre Bolanos depois do jogo, ainda que não tenha feito uma partida brilhante, me sugerem algum tipo de visão longe do jogo que vi, ou estou cego ou tem gente míope tentando não enxergar ainda mais.

Em especial no primeiro tempo foram dele – e Luan – as principais, talvez únicas, jogadas ofensivas que mereceram destaque pelo nosso lado, até mesmo porque o Galo não ciscou. Revejam os melhores momentos, ao menos, e ficará fácil de verificar que ele é o mais presente da partida. Ah, sim, foi comprado por muito, ganha não sei quanto e então se espera que ele faça quinhentas vezes mais, parece que é este o mote das criticas. Se for por isto e a partir deste fundamento pilar, então o jogador que menos ganha nem deveria entrar em campo, e muito repórter que ganha um salário miserável, que eu sei – e trabalham feito uns loucos – não deveriam sequer ir a campo nos dias de jogos fazer cobertura, que deixem que as estrelinhas que faturam de 20 para cima façam este trabalho também. Critica besta merece este tipo de comparação.

Bolanos é um menino que estava jogando muito quando chegou aqui, grana boa investida, e no primeiro Grenal foi criminosamente atingido e fraturou o maxilar em jogada que do Presidente do rival – por sinal está se vendo que dirigentezinho horroroso este senhor – a alguns jornalistas irresponsáveis duvidaram e fizeram teses sobre simulação e outras barbaridades dignas dos desqualificados. Numa terra estranha com língua estranha ele passou internado e em solidão durante longo tempo. Está ainda aos poucos se adaptando e se vê que tem bola no corpo. Quem dirige critica direta com o intuito maldoso de afastá-lo do time são os mesmos, com um que outro agregado, que usam deste tipo de expediente no mínimo canalha, para não dizer mais.

Bolanos não é mágico, vem jogando bem, deve melhorar. Guardem as cornetas nas gavetas e unhas de urubu para coçarem a orelha.

Saudações Tricolores

banner-820x130-A

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: