Bombeiros Voluntários de Eldorado do Sul | Por Dilmar Isidoro

Facebook Twitter Google+ LinkedIn WhatsApp

Entre os valores latentes que admiro nas pessoas, estão os atos de generosidade e de cedência de tempo àqueles indivíduos que carecem de todo tipo de ajuda. A sociedade contemporânea é carregada de concorrência em todos os sentidos. Isso torna mais difícil e muitas vezes inviabiliza o encadeamento social profícuo em diversas comunidades que ficam as margens das oportunidades para melhorar a qualidade de vida no seu habitat.

Sabemos que o governo tem o dever de zelar pelo bem-estar social, e esta é uma obrigação da União, dos Estados e Municípios. Todavia, o flagelo financeiro de muitas Unidades Federativas engessa, sobremaneira, a capacidade estatal para exercer as suas obrigações sociais preconizadas na constituição.

Em outubro passado, acompanhei a solenidade de formatura de um grupo de jovens (homens e mulheres) bombeiros voluntários da cidade de Eldorado do Sul, região metropolitana de Porto Alegre. Chamou-me a atenção, o laudável altruísmo daqueles jovens que se dedicam as causas sociais sem haver contrapartida financeira. Para eles, a resignação transcende valores monetários. A nova turma desses bravos cidadãos passou a integrar a Associação do Corpo de Bombeiros Voluntários de Eldorado do Sul – CBV-ES. Esta é uma organização privada e sem fins lucrativos, sediada na cidade de Eldorado do Sul.

O grupo tem a nobre missão de preservar e proteger a vida e o patrimônio do Município, prestando atendimento em emergências como: incêndios, acidentes, ações de salvamento e de defesa civil. O trabalho é feito por pessoal treinado e capacitado para exercer a função de bombeiro voluntário, a atividade é amparada pela Lei 9.608/98 que prevê o trabalho não remunerado.

A criação desta associação ocorreu em 2007, a partir da mobilização de diversos representantes da sociedade civil ao constatarem a fragilidade e deficiência do sistema de atendimento nas emergências disponíveis em Eldorado do Sul e cercanias. Desde então, a entidade trabalhou para satisfazer todos os requisitos necessários para funcionar de forma oficial. O inicio das atividades deu-se em 15 de outubro de 2011.

O retorno deste ato traz na essência, a nobreza de ajudar e orientar os mais necessitados. De acordo com o CBV de Eldorado do Sul, desde a fundação foram realizados cerca de três mil atendimentos. A missão deste destacamento civil se baseia em palavras fortes e de bravura: prevenir, preservar e salvar. Os formandos do Curso de Formação de Bombeiros Voluntários – edição 2016-2 receberam o título de Bombeiro Aspirante, agora serão orientados e monitorados nos próximos 12 meses. Se forem aprovados, receberão o titulo de Bombeiro Graduado.

O extrato da solenidade que assisti me inspirou a redigir esta matéria. Fiquei a imaginar o trabalho silencioso, dedicado, sem mídias e sem greves que é prestado por estes jovens, em especial, para as comunidades carentes. O governo deveria potencializar este sublime trabalho que é de sua obrigação. Afinal, os tributos pagos pelos cidadãos deveriam retornar ao povo na forma de serviços com qualidade. Este é um admirável exemplo de cidadania que deve servir de modelo para toda classe política do Brasil.

NOTA OFICIAL DO CVB DE ELDORADO DO SUL:

O CBV Eldorado Sul gostaria de agradecer ao colunista Dilmar Isidoro pela matéria veiculada no portal Rede de Opinião – A voz do povo gaúcho, divulgando nosso trabalho e propósito. Suas considerações nos enchem de orgulho e nos motivam a seguir em nossa missão.
Nosso muito obrigado!

Posts Relacionados

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: