150 NA CABEÇA, NATURALMENTE | Por Carlos Josias

Facebook Twitter Google+ LinkedIn WhatsApp

1. 150 jogos do Renato comandando o Grêmio. 2. 150 jogos na Arena. 3. 50 gols de Luan.

O Grêmio jogou naturalmente e exibiu de novo um futebol bonito, eficiente, e com vitória. Não se esforçou para ganhar, no sentido de que não jogou no limite. Jogou, repito, naturalmente. Ouvi e li algo sobre o Grêmio não ter sido tão brilhante como nos demais jogos.

E haverá muitos jogos que não será luzente. Grandes atuações não se repetem com frequência. O fundamental é vencer mesmo sem repetir atuações de luxo. Não quero um time das Galáxias, quero um time vencedor.

E não foi mesmo brilhante, não precisou, não se deram conta que é aí que está o elemento do jogo e é o que mais chamou a atenção ontem e tem chamado neste Grêmio do Renato, é exatamente isto, a naturalidade.

O Grêmio pode jogar bonito e pode jogar simples. E se for o caso, feio. Mas o essencial é que execute isto tudo com naturalidade. O time não precisa jogar com a corda esticada, dando o famoso tudo até se esbagaçar em campo, e contra o Vasco não precisou ser magistral. Está sobrando, palmas também para a preparação física.

Imagina se Renato fosse Treinador o que não se estaria dizendo dele. Mas enfim, ele é só motivador. Como tem “especialista” neste esporte onde abunda o conhecimento vão.

Parabéns ao Renato pelos 150 jogos motivando o time. Parabéns ao Luan cuja carreira está indo para o lixo ….. Parabéns aos especialistas, vocês erram também com incrível naturalidade.

Saudações Tricolores.

banner-820x130-A

Posts Relacionados

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: