3 no Lomba | Por Marcos Vargas

Facebook Twitter Google+ LinkedIn WhatsApp

Não, não escrevi errado. É um ajuste do famoso ditado popular que remete ao resultado do Grenal na Arena: 3×0, 3 no Lomba, Marcelo, goleiro colorado. Já são 5 em dois grenais, um pouco mais e alcança o Alisson.

Brincadeiras a parte, nestes dois grenais é gritante a diferença entre os dois clubes no momento. Já são quase 3 anos sem conhecer derrotas em clássicos. O Grêmio não é só superior porque a base joga junto há mais de três anos e tem mais entrosamento, como ouvi e li por aí. O Grêmio é superior tecnicamente. Lógico que esta diferença em clássicos tende a se equilibrar, muito pelo esforço do outro lado (e já estivemos do outro lado). Mas olhando o Grenal e o passado recente, não lembro de período com tamanha diferença entre os clubes. De tamanha imposição ao natural de um dos lados.

Jael, da chacota pública e cobranças para que seja o que ele não é apesar de vir se mostrando útil, com trabalho silencioso e treinamento culminou com uma bucha digna dos grandes cobradores de falta. Pintura de gol. E grande assistência para o gol do Arthur. Já é o vice goleador do Grêmio no ano com 3 gols e 3 assistências. Nada mal. O time todo funcionou bem e mostrou a maturidade de uma equipe vencedora e entrosada. Sobressaiu a diferença técnica. E que bom ver o Arthur jogando e retornando com gol. Novamente Luan foi alvo de rodízio de faltas com a conivência da arbitragem que mostrou-se confusa na marcação das faltas e descritério para cartões.

E o Grohe hein? Outro que parte da torcida pegava no pé. Está acima da média dos goleiros no Brasil. Bem acima.

Nos deixaram chegar. Vamos buscar mais uma taça.

Saudações tricolores

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: