Tarde de susto em dia de Lusíadas

Alguns times médios nunca gostei de enfrentar, nem em casa nem fora. Não que sejam ‘tocas’, mas porque guardo na memória uma série de confrontos desagradáveis, sofridos ou marcados por resultados ruins. Entre eles o Criciúma, por exemplo, que está fora da 1a divisão, e o Figueirense – time chato historicamente – que quase nos estraga o domingo, neste caso muito, mas muito mesmo, por nossa culpa.

Falhas defensivas – em especial duas, por Edilson e Rafael Thyere – só não fizeram do Figueirense o vencedor por destino e remendo imediato – na do Edilson o remendo salvador veio pelo próprio RF. A defesa foi mal em lances primários e que só não foram decisivos porque o adversário foi incompetente. Mas não mais incompetente do que fomos no ataque porque impressionou a quantidade de gols perdidos – pelo menos foram criadas oportunidades, diria o otimista, no que tem razão.

Mas o jogo foi do Roger, muito criticado por substituições supostamente equivocadas ao apagar das luzes ele saca os dois mais importantes na rotina do time e enfia Bobô e Pedro Rocha, invariavelmente criticados. Pois os dois fizeram uma bela jogada, um golaço de causar infarto agudo do miocárdio.

O fato principal contudo é que ultrapassamos a fase dura da Tabela Zanini que mirou nos pôr no Z4 e eles no G4. Se a escalada inicial fosse inversa, haveria rival disputando lugar com o América Mineiro.

Mas não há dúvida de que se há pretensão maior há, por igual, muito a ser corrigido. Que seja. Com o espaço de tempo que se está tendo agora isto é possível e se exige.

Enquanto isto, além mar os Lusíadas agitaram o futebol europeu e de lá veio grito de vitória:

Desfralda a invicta Bandeira.

À luz viva do teu céu!

Brade a Europa à terra inteira.

Portugal não pereceu!

Meu Saudoso Pai teria orgulho de ti gajo. Grândola Vila Morena, Terra da Fraternidade, a Festa não para. C. Ronaldo, comandando um time exaustivamente chamado de ruim por “experts” daqui, levanta taça muito mais difícil daquela que Messi comandando um timaço não conseguiu. O futebol tem suas próprias lógicas.

Saudações Tricolores.

banner-820x130-A

Related Posts

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: