Melhor produtividade no trabalho remoto

Melhor produtividade no trabalho remoto

Facebook Twitter Google+ LinkedIn WhatsApp

Especialista sugere delimitar um tempo desligando toda e qualquer notificação, seja em redes sociais ou WhatsApp

Com um trabalho totalmente voltado para a expertise de gerenciamento remoto, a consultora de gestão empresarial e profissional de marketing e vendas, Aline Bortolin, desenvolve ferramentas de auxílio à produtividade, e de administração do tempo e de projetos, as quais tornam-se fundamentais nos afazeres profissionais em momentos como o que vivenciamos atualmente, de distanciamento social controlado. A profissional indica como uma de suas técnicas preferidas a “Pomodoro”. A sistemática faz o profissional delimitar um tempo desligando toda e qualquer notificação de redes sociais, WhatsApp, inclusive na forma web, focando somente na atividade que precisa executar. Normalmente em blocos de tempo de 25 minutos, fazendo, após este período, um relax de cerca de 5 minutos.

Administração de e-mails – A gestora empresarial ainda costuma utilizar ferramentas de gerenciamento de e-mails, orientando quando e como responder às demandas. Nesta cultura remota, segundo ela, é essencial organizar as atividades de cada um na empresa de forma que quem entrar novo ou tiver que suprir a falta de um colega, não se sinta perdido, possibilitando que a operação siga normalmente. “Por isso, não indico utilizar o WhatsApp como forma de comunicação interna da empresa, e sim o uso de outra plataforma.” Já com relação aos projetos, ela sugere que a interlocução seja feita dentro de uma ferramenta específica de gestão para esta finalidade. “Desta forma, o conteúdo o qual o profissional está trabalhando fica arquivado ali, na nuvem, e categorizado por assunto, sem o risco de ser perdido e podendo ser facilmente acessado.”

Além disso, enfatiza que quando necessita realizar reuniões com a equipe, e aqui falamos sempre de forma remota, ela conversa o geral com todos e depois bate um papo um a um para que coloquem suas particularidades e possa ajudar melhor cada profissional do grupo. “Essa conversa individual facilita o desenvolvimento da confiança no gestor, ajudando-o a colocar suas fragilidades. Pois, ao saber delas, o gestor consegue ajustar e dar o suporte necessário”, avalia.

Utilização do tempo – Outra prática que a profissional faz uso quando começa a gerenciar uma organização é dissecar cada ação do profissional, bem como o tempo gasto em cada uma. “Eu sempre coloco um pouco mais de tempo para cada movimento, pois, desta forma, consigo adequar suas funções com o tempo que precisa para executá-las.” Conforme Aline, esta é uma forma de saber o que se pode esperar do colaborador, ou seja, os resultados que ele trará.

alinebortolin.com

* Na foto em destaque nesta matéria, Aline Bortolin

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: