Live Solidária arrecada doações para Centro Social seguir ajudando moradores da Restinga

Live Solidária arrecada doações para Centro Social seguir ajudando moradores da Restinga

Facebook Twitter Google+ LinkedIn WhatsApp

Com o título “Nossa Senhora Aparecida – A Padroeira do Brasil”, a transmissão será dia 12 de outubro, a partir das 9h45min, com a chegada da imagem da santa na Paróquia Nossa Senhora Aparecida da Restinga e missa celebrada por Dom Jaime Spengler,  Arcebispo Metropolitano de Porto Alegre

 

No ano em que o mundo enfrenta uma pandemia, restrições de eventos e aglomerações, a Paróquia Nossa Senhora Aparecida da Restinga realiza, no dia 12 de outubro, a partir das 9h45min, uma transmissão histórica. A Live “Nossa Senhora Aparecida – A Padroeira do Brasil” irá mostrar a chegada da imagem da santa à paróquia e, em seguida, uma missa especial celebrada por Dom Jaime Spengler, Arcebispo Metropolitano de Porto Alegre e vice-presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. Além de homenagear os trabalhadores da chamada linha de frente da COVID-19 e as pessoas que perderam a vida com a doença, a transmissão irá arrecadar doações para o Centro Social Pe. Pedro Leonardi que ajuda e atende crianças e adultos em situação de vulnerabilidade social da Restinga Velha. Tudo poderá ser acompanhado, ao vivo, através do Canal no YouTube da Arquidiocese de Porto Alegre.

 

Será um momento histórico pra nós, da Paróquia Nossa Senhora Aparecida e do Centro Social Pe. Pedro Leonardi, que vem fazendo, desde março, quando estourou a pandemia,  um trabalho muito forte junto à comunidade mais vulnerável de Porto Alegre. Estamos distantes do Centro, mas próximo de quem precisa e, agora, com as redes sociais, ao alcance de todos ”, afirma Claudionir Ceron.  No roteiro de programação, está a saída, às 9h, da imagem da Santa Padroeira do Hospital da Restinga. O trajeto de carro percorrerá as principais ruas da do bairro, chegando às 9h45min na Paróquia Nossa Senhora Aparecida da Restinga, onde será conduzida ao altar. Ao todo, 60 fiéis poderão assistir a missa de forma presencial, através de senhas previamente distribuídas. O local seguirá todos os protocolos de saúde como: higienização, aferição de temperatura, distanciamento de dois metros entre as pessoas e uso de máscara e álcool em gel. Durante a missa, profissionais que estão combatendo a pandemia, como médicos, enfermeiros e auxiliares de enfermagem, farão as leituras litúrgicas, bem como, familiares que perderam entes queridos.

 

DOAÇÕES

Quem estiver acompanhando a Live “Nossa Senhora Aparecida – Padroeira do Brasil” poderá, além de acompanhar momentos emocionantes, ajudar, através de doações pelo telefone e transferência bancária, os projetos do Centro Social Pe. Pedro Leonardi voltados à pessoas em situação de vulnerabilidade social.  Informações através do (51) 98410-5400 ou e-mail contato@aparecidatinga.com.br.

 

+ AJUDA

Mitra da Arquidiocese de Porto Alegre (CNPJ: 92.858.000/0034-03)

 

BANRISUL

Agência: 0797

Conta: 06.001181.1-6

 

SICREDI

Agência: 0116

Conta: 42451-0

 

Conheça o CENTRO SOCIAL PE. PEDRO LEONARDI

 

Afastado do Centro, mas próximo de quem mais precisa. O Centro Social Padre Pedro Leonardi, localizado na Restinga Velha, em Porto Alegre, foi criado no dia 21 de abril de 2005. É uma instituição sem fins lucrativos, vocacionada a atender pessoas em situação de risco e vulnerabilidade social, garantindo o acesso à direitos básicos através da oferta de serviços e projetos, que trabalham o resgate da cidadania e dignidade, além de promover qualidade de vida.  O Centro Social pertence a Paróquia Nossa Senhora Aparecida da Restinga, Mitra da Arquidiocese de Porto Alegre.

 

Dirigida pelo Padre Ceron, nossa instituição mantém em uma parceria com a Prefeitura Municipal/FASC 03 Casas Lar que acolhem crianças e adolescentes entre zero e 17 anos temporariamente afastados de seus responsáveis, devido medida judicial. São situações que apresentam fragilidade e/ou rompimento de vínculos familiares. Em cada Casa é possível acolher até 08 crianças e adolescentes.

 

Nossos serviços direcionados a crianças e adolescentes trabalham o resgate da autoestima do usuário, seu pertencimento social e comunitário, a partir de atividades lúdico/pedagógicas e sócio assistenciais, de segunda a sexta, no contraturno escolar, em diferentes espaços da instituição. Para estes serviços dispomos de biblioteca, salas de atividades, auditório, quadra de esportes, pista de skate e refeitório.

 

Ofertamos para o público em situação de rua e extrema vulnerabilidade o projeto Prato Alegre. Este, é a descentralização do Restaurante Social, onde é servido para nossos usuários 100 almoços por dia, com atendimento social e orientação de locais para busca de garantia de direitos.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: