Sebrae RS lança programa para levar o empreendedorismo aos pequenos municípios

Sebrae RS lança programa para levar o empreendedorismo aos pequenos municípios

Facebook Twitter Google+ LinkedIn WhatsApp

Na Medida é o novo plano do Cidade Empreendedora diferenciado para municípios com até 20 mil habitantes

 

Voltado a municípios com até 20 mil habitantes, o plano Na Medida do Programa Cidade Empreendedora oferece soluções diferenciadas que contribuem para o desenvolvimento local por meio do empreendedorismo. “O novo programa atende uma demanda de municípios menores, que representam cerca de 78% das cidades do Rio Grande do Sul e têm importante potencial de criação de oportunidades”, afirma o diretor-superintendente do Sebrae RS, André Vanoni de Godoy.

 

O programa engloba quatro eixos prioritários com ações estratégicas para promover a geração de empregos, renda e novos negócios. Os eixos prioritários são Liderança, Compras Governamentais, Desburocratização e Educação Empreendedora, e as ações são desenvolvidas por meio de consultorias, oficinas, cursos e palestras em formato híbrido, com interações presenciais e online.

 

O Cidade Empreendedora é uma iniciativa para engajar gestores e servidores públicos na melhoria do ambiente de negócios e na promoção das políticas públicas para o apoio e fortalecimento do empreendedorismo nos municípios. Atualmente, 13 municípios fazem parte do Cidade Empreendedora – Cachoeirinha, Camaquã, Campo Bom, Canoas, Esteio, Frederico Westphalen, Gramado, Panambi, São José do Norte, Tapejara, Uruguaiana, Venâncio Aires e Santo Ângelo – e a expectativa é ampliar para 41 em 2021.

 

Resultados

Os municípios que aderiram ao Programa Cidade Empreendedora podem receber um Diagnóstico Municipal elaborado pela economista Patrícia Palermo. O documento é feito a partir da análise de dados socioeconômicos, que apontam os fatores positivos, o potencial de crescimento e o que pode ser melhorado para o desenvolvimento local. O Diagnóstico serve como base para o Plano Municipal de Desenvolvimento, outra ação do programa do Sebrae RS.  A apresentação do Diagnóstico Municipal está prevista no plano Na Medida.

 

O Programa também prevê a abertura ou melhoria dos serviços e processos da Sala do Empreendedor, que são pontos de referência para atendimento aos empreendedores locais em 121 municípios onde estão instaladas. Esses espaços reúnem em apenas um endereço os serviços oferecidos por várias secretarias e órgãos municipais, como Fazenda e Vigilância Sanitária, por exemplo, e devem estar aptos a tirar todas as dúvidas dos empresários.

 

Por meio do Cidade Empreendedora, é aplicada pesquisa para mensuração da satisfação dos empreendedores com as Salas e o resultado tem sido satisfatório. Em Frederico Westphalen, por exemplo, 100% dos entrevistados entendem como relevante a continuidade da Sala do Empreendedor dentro da estrutura atual de serviços oferecidos, já em Campo Bom 97,3% dos clientes que procuram a Sala do Empreendedor tem suas demandas atendidas.

 

Outra iniciativa promovida pelo programa é a implementação da educação empreendedora. Por meio da capacitação de professores, temas como protagonismo, ética, pensamento crítico e educação financeira, são abordados com os alunos da rede municipal de ensino.

 

Para obter mais informações sobre o Cidade Empreendedora, acesse o site www.cidadeempreendedora.sebraers.com.br ou entre em contato com o Sebrae da sua região.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: