Centro Social Pe. Pedro Leonardi faz atendimento coletivo de crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social

Centro Social Pe. Pedro Leonardi faz atendimento coletivo de crianças e jovens em situação de vulnerabilidade social

Facebook Twitter Google+ LinkedIn WhatsApp

Entre oito e doze educandos são atendimento por sala, seguindo todos os protocolos de segurança sanitária

 

Com a retomada gradativa das atividades em Porto Alegre, o Centro Social Pe. Pedro Leonardi (CSPPL), na Restinga Velha, implementou o Atendimento Coletivo Presencial. Agora, entre 8 e 12 educandos podem realizar atividades socioeducativas na mesma sala, seguindo todos os protocolos de segurança sanitária. Desde o dia 19 de março de 2019, por determinação da prefeitura, o local teve que suspender as atividades de turno inverso do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) em parceria com a Fundação de Assistência Social e Cidadania (FASC) por conta da Covid-19.

 

“Desde o início da Pandemia nós nos reinventamos. Foram necessários esforços de todos, muita dedicação, compreensão, paciência e criatividade. Nos organizamos para que nenhuma criança ficasse de fora do SCFV, para que todos pudessem de alguma forma participar do centro social”, afirma  Pe. Claudionir Ceron, diretor do Centro Social Pe. Pedro Leonardi. Para isso, a instituição conta com a equipe de educadores 100% do tempo disponível e conectada com as crianças e jovens.

 

A família pode escolher, conforme a sua necessidade e realidade, como participará das atividades. “Atendemos de forma virtual através dos grupos de whatsApp, vídeo chamadas, ligações telefônicas, vídeo-aulas, páginas do Facebook e do nosso site. Também disponibilizamos de forma impressa, todo o material que é colocado nas mídias sociais. Se o familiar optar por essa modalidade, ele combina um horário, vem até o Centro Social e retira as atividades impressas”, diz Clarissa Fraga, Coordenadora de Projetos do CSPPL. De acordo com ela, além do Atendimento Coletivo Presencial, permanecemos com o Atendimento Individual Presencial, onde uma criança ou um adolescente é atendido por vez. Hoje, todos os 208 educandos do SCFV recebem apoio online.

 

Acesse as Redes Sociais

Instagram: @centrosocialpadrepedroleonardi

Facebook: centrosocialpadrepedroleonardi

 

Site: www.padrepedroleonardi.org.br

 

DOAÇÕES

Quem quiser apoiar e viver a nossa causa, pode entrar em contato através do telefone (51) 98410-5400 ou pelo e-mail contato@csppl.org.br. É possível, ainda, fazer transferência bancária através das contas abaixo:

 

+ AJUDA

Mitra da Arquidiocese de Porto Alegre (CNPJ: 92.858.000/0034-03)

 

BANRISUL

Agência: 0797

Conta: 06.001181.1-6

 

SICREDI

Agência: 0116

Conta: 42451-0

 

 

PIX

CHAVE DE ACESSO: 92858000003403 (CNPJ)

 

Conheça o CENTRO SOCIAL PE. PEDRO LEONARDI

 

Afastado do Centro, mas próximo de quem mais precisa. O Centro Social Padre Pedro Leonardi, localizado na Restinga, em Porto Alegre, foi criado no dia 21 de abril de 2005. É uma instituição sem fins lucrativos, vocacionada a atender pessoas em situação de risco e vulnerabilidade social, garantindo o acesso à direitos básicos através da oferta de serviços e projetos, que trabalham o resgate da cidadania e dignidade, além de promover qualidade de vida. O Centro Social pertence à Paróquia Nossa Senhora Aparecida da Restinga – Mitra da Arquidiocese de Porto Alegre.

 

Dirigida pelo Padre Ceron, nossa Instituição mantém parcerias com a Fundação de Assistência Social e Cidadania (FASC) de Porto Alegre, tendo 208 crianças e adolescentes atendidas pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (06 a 17 anos) e também 03 Casas Lar que acolhem crianças e adolescentes entre zero e dezessete anos temporariamente afastados de seus responsáveis, devido medida judicial. São situações que apresentam fragilidade e/ou rompimento de vínculos familiares. Em cada Casa é possível acolher até 08 crianças e adolescentes.

 

Nossos serviços direcionados às crianças e adolescentes trabalham o resgate da autoestima do usuário, seu pertencimento social e comunitário, a partir de atividades lúdico/pedagógicas e sócio assistenciais, de segunda a sexta, no contraturno escolar, em diferentes espaços da instituição. Para estes serviços, dispomos de biblioteca, salas de atividades, auditório, quadra de esportes, pista de skate e refeitório.

 

Contamos também com a parceria da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDS), onde ofertamos para o público em situação de rua e extrema vulnerabilidade e risco nutricional o Projeto Prato Alegre. Este, é a descentralização do Restaurante Social, onde são servidos para nossos usuários 100 almoços por dia, além de atendimento e acompanhamento social e orientação de locais para busca de garantia de direitos.

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: