Novembro Azul mobiliza moto passeio em alerta à prevenção da saúde dos homens

Novembro Azul mobiliza moto passeio em alerta à prevenção da saúde dos homens

Facebook Twitter Google+ LinkedIn WhatsApp

Câncer de próstata está entre as maiores causas de mortalidade da população masculina

 

O Novembro Azul é um movimento mundial, que objetiva alertar sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de próstata, tumor comum entre os homens. No Rio Grande do Sul, essa mobilização ganha força também, através do trabalho do Instituto da Próstata – INPrós RS – www.inpros.org, que está organizando, no próximo dia 20 de novembro de 2021, sábado, em Porto Alegre, a 1ª Edição Moto Passeio INPrós – Novembro Azul. Evento gratuito e aberto a toda comunidade. A concentração inicia às 14horas, com saída programada às 15h, no Centro Histórico, na Praça Montevidéu, ao lado do mercado público. Em caso de chuva, a atividade fica reagendada para final de semana seguinte (27/11), mesmo local e horário.

 

Os participantes estão convidados a usar uma peça da cor azul, para referendar a campanha. O passeio tem uma grande simbologia, já que muitos homens acabam procurando seus médicos e fazendo os exames por sentir os primeiros sintomas de desconforto, ao se deslocar nesses veículos. “Essa compressão ao sentar-se, quando vem acompanhada por desconforto ou dor, acaba sendo útil no auxílio a detecção de problemas. É comum, homens na faixa dos 50 anos ou mais, procurarem o urologista pela primeira vez, após contatos com bike, motos, ou montaria”, explica o urologista oncologista, Dr. Marcos Dias Ferreira, presidente e fundador do INPrós RS.

 

A próstata é uma glândula que, quando saudável, apresenta o tamanho aproximado de uma noz. Mas que, quando aumentada, afeta a qualidade de vida e pode levar ao desenvolvimento de câncer. Exames de saúde são indicados a partir dos 45 anos, pelo menos, uma vez por ano. Nesse sentido, a situação se agravou com a pandemia, devido a queda na procura pelo diagnóstico. De acordo com Ferreira, a campanha do Novembro Azul, em 2021, é de extrema relevância. “Temos que insistir e enfatizar junto à população, de que não devemos esperar por surgimento de sintomas prostáticos para fazer a detecção precoce. Pelo contrário! Pois os sintomas podem surgir, apenas quando a doença já está em fase bem avançada. É preciso ganhar força, desenvolver com urgência e de forma contundente, mais políticas públicas voltadas à saúde do homem”, alerta o urologista.

 

O médico destaca, igualmente, a importância à adesão da causa azul. “Temos que ampliar o trabalho e o entendimento da necessidade do diagnóstico precoce, desmistificando os tabus existentes, em torno do exame. Essa campanha vem para dizer que, quanto antes a doença for diagnosticada, maior a possibilidade de cura. Alerta que passa pelo poder público, mas sobretudo, pela sociedade. Eles e elas juntos, engajando-se na campanha do Novembro Azul, alertando familiares, amigos e, principalmente, salvando vidas”, avalia o urologista.

 

Câncer de próstata no Brasil, no RS e sintomas

 

O câncer de próstata é mais comum, após os 50 anos e é responsável pela causa de morte de 28,6% da população masculina, que desenvolve neoplasias malignas. No Brasil, um homem morre a cada 38 minutos, devido ao câncer de próstata. Quando um indivíduo tem pai ou irmão que foi diagnosticado, o risco é três vezes maior. Mais de 20% dos novos casos de tumor em homens são, justamente, nessa região. A estimativa para triênio 2020-2022 é de que serão diagnosticados 66 mil novos casos no país. Os dados são do Instituto Nacional de Câncer (Inca). Homens negros têm maior incidência deste tipo de câncer, assim como os obesos. De acordo com a Sociedade Brasileira de Urologia, cerca de 20% dos pacientes com câncer de próstata, são diagnosticados pela alteração no toque retal. Outros exames, podem ser solicitados se houver suspeita, como as biópsias, que retiram fragmentos da próstata, para análise, guiadas pelo ultrassom transretal.

 

O Rio Grande do Sul tem 1,7 milhão de homens, na faixa etária, onde se preconiza a importância de se fazer exames, com regularidade. Os principais sintomas são dificuldade para urinar, demora para começar e terminar. Necessidade de urinar mais vezes, durante o dia e/ou à noite. Diminuição do jato de urina. Dor ou ardor ao urinar, podendo ser seguida de náusea. Presença de sangue na urina ou no sêmen. Dor ao ejacular. “A melhor idade para cuidar da saúde do homem é agora! Prevenção é vida”, aconselha o presidente do Instituto da Próstata.

 

Sobre o INPrós RS

 

O Instituto da Próstata – INPrós RS, é uma Associação sem fins lucrativos, que busca alertar, durante o ano todo, acerca da necessidade de se realizar o diagnóstico precoce do exame de próstata, no combate ao câncer. Quem desejar pode participar do INPrós. As inscrições são totalmente gratuitas e podem ser feitas pelo site www.inpros.org. O instituto oferece, igualmente, cursos de formação gratuitos à saúde do homem, coordenando campanhas do Novembro Azul. Nas redes sociais Instagram @institutodaprostata e Facebook Instituto da Próstata. Email inprosbrasil@gmail.com.

 

Serviço: Campanha Novembro Azul no RS – 1ª Edição Moto Passeio INPrós

 

Dia 20 de novembro de 2021, sábado. Evento gratuito e aberto a toda comunidade. A concentração inicia às 14horas, com saída programada às 15h, no Centro Histórico, na Praça Montevidéu, ao lado do mercado público, em Porto Alegre. Em caso de chuva, a atividade fica reagendada para o final de semana seguinte (27/11), mesmo local e horário. Mais informações pelo Whatsapp  51 99273-6645. Ou email  inprosbrasil@gmail.com e pelo Instagram @institutodaprostata.

 

Dr.-Marcos-Dias-Ferreira-presidente-do-INPros-RS-Lenara-Petenuzzo-200x300 Novembro Azul mobiliza moto passeio em alerta à prevenção da saúde dos homens

Urologista oncologista, Dr. Marcos Dias Ferreira, presidente e fundador do INPrós RS. Crédito Lenara Petenuzzo

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: