E o que dizer do Diabetes na escola? | Por Thaiany Garcia

E o que dizer do Diabetes na escola? | Por Thaiany Garcia

Facebook Twitter Google+ LinkedIn WhatsApp
A merenda escolar esta preparada para atender os alunos com necessidades nutricionais especiais?
Os professores estão informados sobre o assunto?
Alguns professores não permitem que alunos diabéticos realizem o teste ou apliquem insulina em sala de aula em frente aos colegas pois ao mexer com sangue podem contaminar os coleguinhas. Diabetes é contagioso agora?
Já é difícil o diabético fazer certas coisas na frente de outras pessoas e quando tem coragem é discriminado.
Na merenda escolar servem bolo, arroz de leite, suco doce com bolacha maria, pão com doce de leite. E o diabético?
Será que não é possível fazer um levantamento dos alunos diabéticos, intolerantes a lactose, ao glúten,  para que seja oferecida outra opção como uma fruta, bolacha água e sal, leite de soja?
Não me digam que da muito trabalho ou que não tem verba, algumas escolas tem recursos apertados mas não precisa fugir do cardápio com opções baratas para substituição em algumas ocasiões.
Isso é má vontade trabalhei em escolas estaduais com poucos recursos onde fiz o levantamento dos alunos com restrições alimentares e a substituição era feita sem mexer no custo. As meninas da cozinha inclusive retiram o arroz de leite e a canjica antes de colocar açúcar e as batidas geralmente eram feitas com leite de soja para certos alunos.
Eram 6 alunos com diabetes 3 com intolerância a lactose e apenas um alérgico a glúten. Tudo adaptado e sem grandes sacrifícios.
Estes alunos passaram a se sentir acolhidos e perderam a vergonha com relação a sua restrição; por que antes comiam o que não podiam por vergonha,  chegando em casa com glicose alterada e com diarreia e alergias.
Será que vamos ter que pedir ajuda a vereadores e deputados exigindo que a escola adapte seu cardápio para atender a esta demanda?
E quanto aos professores estão perdendo a oportunidade de se informar e trabalhar com a turma questões sobre saúde e diabetes aproveitando para acolher o aluno com este problema e conscientizar as crianças já que todos com certeza tem na família alguém com o problema.
Por que é tão difícil se solidarizar com o outro até que tenhamos que passar por isso?
Pra você professor e Diretor fica a dica.

 

Thaiany Garcia
Orientadora/Psicanalista Educacional

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: