Vacina da Coerência | Por Caroline Pinto de Souza

Vacina da Coerência | Por Caroline Pinto de Souza

Facebook Twitter Google+ LinkedIn WhatsApp

Lamentável verificar a pregação do pânico, com pano de fundo objetivos políticos partidários e eleitoreiros no Facebook de forma tão irresponsável.

Vociferação, resistências raivosas sem a menor base científica, distancia do que realmente importa, que é buscar soluções viáveis, não somente para a prevenção e busca da cura da doença, mas também, a manutenção do próprio sistema de saúde, que não se auto gere financeiramente, afinal, sem atividade econômica (dinheiro), não tem como manter o próprio SUS por muito mais tempo, sem mencionar outras atividades VITAIS.

O pior vírus que está a cada dia mais se disseminando nas redes, é o do oportunismo político.

Existe uma máxima, constitucional, que se aplica na eficiência em todos os campos da vida. Tratar igualmente os iguais, e desigualmente os desiguais. No corona vírus, já se está observando não fugir a regra. Devemos utilizar como parâmetros, países exitosos com condições ambientais similares ao que possuímos em nosso país, que não estão nem no hemisfério norte, tampouco na Europa e Ásia. Aliás, a China, decretou estado de emergência, com isolamento absoluto, e se concentrou na cidade de Wuhan, epicentro de disseminação da doença.

Devemos torcer pelo país e pelas pessoas, não pela queda de um governo, que goste ou não, está exaustivamente trabalhando por todos, como nunca antes se viu nesse país.

Miséria e fome, também matam, e isso passa muito longe dos núcleos familiares cujos rendimentos de seus integrantes seguem inalterados.

Que os mais velhos, perspicazes pela vivência, que na atual conjuntura, precisam da proteção dos mais jovens, retribuam os alertando sobre os riscos do OPORTUNISMO, tão perigoso, quiçá pior que o corona vírus.

 

5c4c1fcf-4fe2-4e1c-b12f-b31fdc38e9b8-225x300 Vacina da Coerência | Por Caroline Pinto de Souza
Caroline Pinto de Souza

Advogada atuante no ramo do direito civil, imobiliário e criminal, inscrita junto à OAB/RS, bem como em Portugal, com habilitação para atuação em todos países lusófonos.

Posts Relacionados

Leave a Reply

%d blogueiros gostam disto: